Papa pede que jovens troquem “vida no sofá” por mundo melhor

"Vocês podem melhorar o mundo para deixar uma marca na história: a de vocês", afirmou o pontífice

O Papa Francisco pediu aos jovens que abandonem a vida “cômoda e segura no sofá” e o “sedentarismo” para construírem um “mundo melhor e mais justo”, segundo uma mensagem de vídeo para a Jornada Mundial da Juventude.

A mensagem será transmitida em todo o mundo no Domingo de Ramos, 9 de abril, dia em que se celebra a XXXII Jornada Mundial da Juventude.

Francisco, que aparece de pé, recorda que prepara um sínodo (assembleia de bispos) dedicado à juventude, assim como o encontro com os jovens que acontecerá no Panamá em 2019.

Ao falar da Virgem Maria, o pontífice recorda que “não ficou fechada em casa porque não é uma jovem de sofá, que procura se sentir cômoda e segura sem que ninguém a perturbe”, disso.

“Como a jovem de Nazareth, vocês podem melhorar o mundo para deixar uma marca na história, a de vocês. A Igreja e a sociedade precisam de vocês”, insistiu o Papa.

O Papa costuma criticar, em termos enfáticos, os jovens viciados em televisão e computador e os anima a enfrentar a realidade da vida.

Em uma mensagem maior, que será lida nas igrejas de todo mundo, o Papa desenvolverá o argumento e criticará os chamados “reality show”, “que não são histórias reais nos quais os personagens vivem o dia a dia, sem um projeto”, destacou.

“Não se deixem enganar por esta falsa imagem de realidade. Sejam protagonistas da própria história, decidam seu futuro”, afirmou.