Papa Francisco lamenta desabamento de ponte na Itália

O acidente aconteceu nesta terça quando um trecho da Ponte Morandi veio abaixo e esmagou vários carros sob os escombros

Cidade do Vaticano – O papa Francisco lamentou nesta quarta-feira o “evento dramático” em Gênova, quando ontem parte de uma ponte desabou, deixando pelo menos 37 mortos, e enviou a suas condolências às famílias das vítimas e aos feridos.

“Enquanto encomendo a misericórdia de Deus às pessoas que perderam a vida, expresso minha proximidade espiritual às suas famílias, aos feridos, aos deslocados e todos os que sofrem por causa deste evento dramático. Convido-os a unirem-se a mim em oração, pelas vítimas e por seus entes queridos”, disse Francisco momentos depois da oração do Angelus, que hoje celebrou a Assunção da Virgem Maria.

O acidente aconteceu na terça-feira por volta do meio-dia (horário local, 7h em Brasília), quando um trecho de aproximadamente cem metros da Ponte Morandi veio abaixo e esmagou vários carros sob os escombros.

O balanço provisório é de pelo menos 37 mortos, entre eles três menores de oito, 12 e 13 anos, e 16 feridos, 12 deles em estado grave, segundo dados da Delegação do Governo em Gênova.