Palestinos felicitam Obama e cobram apoio na ONU

Para não comprometer sua reeleição, Obama pediu há alguns meses que o pedido de reconhecimento da Palestina como estado não observado fosse congelado

Ramala – O negociador-chefe da Organização para a Libertação da Palestina (OLP), Saeb Erekat, felicitou nesta quarta-feira o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, por sua reeleição e, para aproveitar a ocasião, solicitou apoio ao pedido de reconhecimento como estado que os palestinos apresentarão neste mês à ONU.

“Espero que seu êxito (nas eleições) permita que as autoridades americanas estejam do lado dos palestinos no pedido de reconhecimento à ONU”, afirmou Erekat à imprensa local ao comentar a vitória de Obama.

Para não comprometer sua reeleição, Obama pediu há alguns meses que Ramala congelasse o pedido de reconhecimento como estado não observador em uma votação que será realizada na Assembleia Geral.

Os palestinos contam com apoio majoritário, mas desejam que as principais potências do mundo, incluindo os EUA e as europeias, também estejam a favor.