Pai que perdeu filha no voo MH17 culpa Putin por desastre

Leia a carta de Hans de Borst, um pai holandês que perdeu a filha e a ex-mulher no voo MH17 - abatido por um míssil quando voava sobre a Ucrânia

São Paulo – Um pai holandês, que perdeu a filha adolescente no voo MH17 abatido na Ucrânia, escreveu uma carta aberta ao presidente russo Vladimir Putin.

Hans de Borst mora em Monster, uma pequena cidade próxima de Amsterdã. Além da filha, Elsemiek, sua ex-mulher também morreu no acidente.

Muito revoltado, ele culpa Putin pelo crime. Para ele, o presidente russo é o “líder dos separatistas da Ucrânia“.

Ao final, ele faz um apelo: que Putin proteja o local do acidente para que as autoridades possam investigar tudo.

A mensagem, postada em sua página no Facebook, já foi compartilhada mais de 3500 vezes.

A Holanda foi o país mais atingido pela tragédia. Dos 298 passageiros mortos, 192 eram da Holanda. O voo fazia o trajeto Amsterdã-Kuala Lumpur.

Veja a tradução da carta aberta escrita por Hans de Borst

“Muito obrigado, senhor Putin, líder dos separatistas da Ucrânia! Por assassinar minha amada e única filha, Elsemiek de Borst!

Ela tinha 17 anos, estava no 5º ano do ginásio, era estudante do Segbroek College, em Den Haag.

Ela estava a caminho de suas férias na Malásia, junto com seu pequeno irmão, sua mãe (minha ex-mulher) e seu padrasto.

Elsemiek faria seus exames finais no ano que vem, junto de suas melhores amigas Julia e Marina. Ela era muito boa nos estudos.

Depois disso, ela pretendia ser uma estudante de engenharia na Technical University Delft. Ela estava esperando por isso!

Mas, de repente, ela não está mais aqui! Ela foi atingida no céu, em um país desconhecido, onde acontece uma guerra!

Tudo isso dito, senhor, eu espero que esteja orgulhoso de ter atirado nela e em outros, atirado em sua juventude e em seu futuro.

E assim você conseguirá se olhar no espelho na manhã seguinte.

Eu espero que você receba essa mensagem, talvez traduzida para o Inglês (o que imagino que consiga ler, já que é um cavalheiro inteligente)

Obrigado novamente!

Lembranças,

o pai de Elsemieks, Hans de Borst – de Monster, Holanda, cuja vida você arruinou.

P.S.: Senhor Putin, espero que sua intensa conversa com nosso primeiro-ministro, o senhor Rutte, abra os seus olhos! Eu acredito que você esteja chocado com tudo isso. E eu ficaria chocado se você tomasse a iniciativa de proteger o local do acidente com a ajuda do exército russo, assim os investigadores holandeses poderão trabalhar. Obrigado.”