Os países que podem trocar de comando em 2012

Estados Unidos, França e Rússia estão entre os países que vão às urnas no próximo ano para definir seu futuro político

São Paulo – O ano de 2012 será um ano de reconfiguração no poder global. Três dos cinco países com assento permanente no Conselho de Segurança da ONU – Estados Unidos, França e Rússia – passarão por eleições presidenciais e os eleitores de outras nações, como México, Venezuela e Egito, também irão às urnas para definir seu futuro comando.

Nos Estados Unidos, a alta taxa de desemprego e a economia abalada colocarão um desafio à reeleição do presidente Barack Obama. Embora as eleições estejam programadas só para novembro, as primárias para definir quem será o candidato Republicano devem agitar o país desde o início do ano. 

Na França, Nicolas Sarkozy terá que enfrentar as urnas carregando o peso da crise europeia nas costas. Sua popularidade foi abalada pelos cortes que anunciou no orçamento e, politicamente, ele enfrenta críticas por apoiar um novo acordo mais severo no aspecto fiscal para os países da zona do euro. Embora Sarkozy ainda não tenha oficializado a candidatura, sua “concorrente” Francois Hollande, do Partido Socialista, lidera as pesquisas de intenção de voto.

Diante dos protestos que levaram milhares de russos às ruas para se manifestar contra a suspeita de fraude nas últimas eleições parlamentares, as eleições de 2012 para presidente no país prometem ser agitadas. Apesar do descontentamento de uma parcela significativa da população, os analistas acreditam que os adversários do atual primeiro-ministro e futuro candidato à presidência, Vladimir Putin, têm poucas chances de vencerem o pleito.

Já na China, a sucessão dos cargos de primeiro ministro e presidente estão definidas, mas Wen Jiabao e Hu Jintao devem passar o próximo ano preparando o caminho para a transição, prevista para acontecer no início de 2013.

Com tantas lideranças estratégicas em jogo, 2012 será uma no para ficar de olho no que acontece nas urnas espalhadas pelo globo. Clique no infográfico abaixo para ver quais são os países que têm eleições presidenciais programadas para o ano que vem: