Operação na Rússia deixa 4 mortos em São Petersburgo

O porta-voz da entidade informou que os indivíduos tinham mandados de busca e captura contra si por terem supostamente feito parte de grupos armados ilegais

Moscou – Soldados do Serviço Federal de Segurança da Rússia (FSB, antiga KGB) mataram quatro pessoas nesta quarta-feira sob a alegação de que estas resistiram à ordem de prisão durante uma operação que se realizava em São Petersburgo, informou o Comitê de Instrução do país.

O porta-voz da entidade, Vladimir Markin, informou que os quatro indivíduos tinham mandados de busca e captura contra si por terem supostamente feito parte de grupos armados ilegais na região do Cáucaso Norte, onde operam organizações islamitas.

Segundo Markin, os homens abatidos estavam em um apartamento e iniciaram os disparos quando foram surpreendidos pelos agentes.

“Os quatro ocupantes do apartamento foram abatidos pela resposta dos agentes”, informou o porta-voz, que acrescentou que não houve vítimas entre os moradores, nem baixas entre os agentes que participaram da operação.

Por enquanto, as autoridades não informaram mais detalhes sobre o confronto armado na segunda maior cidade do país, que aconteceu por volta do meio-dia local (6h de Brasília).