ONU prevê aumento em fluxo de refugiados para Europa

Dominik Bartsch, vice-coordenador humanitário no Iraque, disse que 10 milhões de pessoas no Iraque devem precisar de ajuda humanitária até o fim do ano

Genebra – O coordenador regional de refugiados do Alto Comissariados das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur), Amin Awad, disse nesta sexta-feira que não espera uma diminuição no fluxo diário de cerca de 8 mil refugiados por dia chegando à Europa, e alertou que isso pode ser apenas “a ponta do iceberg”.

Dominik Bartsch, vice-coordenador humanitário no Iraque, disse, por sua vez, que 10 milhões de pessoas no Iraque devem precisar de ajuda humanitária até o fim do ano, onde 3,2 milhões já foram deslocadas.

Ele disse que a ONU está se planejando para o deslocamento de mais 500 mil pessoas da cidade iraquiana de Mossul se as forças iraquianas lançaram uma ofensiva para tentar recuperar a cidades das mãos do Estado Islâmico.