ONU aprova sanções contra jihadistas do Estado Islâmico

Conselho de Segurança ameaçou tomar medidas contra qualquer indivíduo ou organização que forneça apoio a esses grupos

Nações Unidas – O Conselho de Segurança da ONU impôs nesta sexta-feira novas sanções contra pessoas supostamente vinculadas com os jihadistas do Estado Islâmico (EI) e da Frente al Nusra.

O órgão ameaçou tomar medidas contra qualquer indivíduo ou organização que forneça apoio a esses grupos.

Em uma resolução aprovada por unanimidade, o Conselho acrescentou a sua lista de sancionados seis novos nomes de acusados de financiar as milícias islamitas que operam na Síria e Iraque. Os atingidos pelas medidas terão seus ativos financeiros congelados e não poderão viajar ao exterior.

O Conselho de Segurança advertiu que está disposto a impor mais sanções para quem recrutar novos membros para estas organizações, sobretudo por meio da internet, e para aqueles que financiam suas operações e enviem armas.