ONU apela para Israel e palestinos julgarem crimes de guerra

O Conselho de Direitos Humanos da ONU debateu o assunto dias antes do primeiro ano do lançamento de Israel da "Operação Margem de Proteção"

Genebra – O órgão da Organização das Nações Unidas (ONU) para direitos humanos fez um apelo a Israel e palestinos para julgarem supostos crimes de guerra cometidos na guerra de Gaza de 2014 e cooperarem com a investigação preliminar do Tribunal Penal Internacional.

O Conselho de Direitos Humanos da ONU debateu o assunto dias antes do primeiro ano do lançamento de Israel da “Operação Margem de Proteção” em resposta aos foguetes disparados por militantes no enclave controlado pelo Hamas em Israel.

O fórum de Genebra, com 47 Estados membros, adotou uma solução, apresentada pela delegação palestina apoiada por Estados muçulmanos, por um voto de 41 a favor, um contra (os Estados Unidos) e cinco abstenções.

Todos os Estados membros da União Europeia, incluindo Grã-Bretanha, França e Alemanha, votaram a favor.