Onda de frio castiga norte da Espanha e bloqueia estradas

Nevascas castigavam o norte da Espanha, bloqueando estradas e vias férreas, e inclusive um grupo de peregrinos que tentava chegar a Santiago de Compostela

Aguilar de Campó – Fortes nevascas castigavam na quarta e na quinta-feira o norte da Espanha, bloqueando estradas e vias férreas, e inclusive um grupo de peregrinos que tentava chegar a pé a Santiago de Compostela.

A nova onda de frio ainda afetava, nesta quinta-feira, 33 das 50 províncias espanholas e o enclave norte-africano de Melilla, segundo a Agência Estatal de Meteorologia.

Na província de Palencia, ao norte de Madri, a pequena cidade de Aguilar de Campo teve que acolher uns 60 viajantes em um ginásio em uma escola, segundo o testemunho de César Manso, um fotógrafo da AFP que, como eles, ficou bloqueado pela neve.

A unidade militar de emergência anunciou ter tido que resgatar uma centena de pessoas na madrugada de quinta-feira que tinham ficado presa dentro de seus veículos perto dali, na autopista A-67.

“Uma vez resgatadas todas as pessoas, os trabalhos agora se concentram no restabelecimento das vias afetadas e na transferência dos passageiros de volta aos seus veículos”, afirmou, em um comunicado.

Na província vizinha de León, a guarda civil também teve que socorrer 19 peregrinos, 13 deles menores, “sem comunicação por causa da nevasca” enquanto percorriam o Caminho de Santiago.

Estavam “desorientados (…) e tiritando de frio pelas baixas temperaturas dominantes na região”, continuou em um comunicado.

Entre os peregrinos havia três coreanos e uma sul-africana. Todos passaram a noite em um albergue municipal de Vega de Valcarce.