Obama vê sinais positivos na eleição de Rohani no Irã

"Acredito que isto traduz a vontade do povo iraniano de avançar em outra direção", disse o presidente americano

Washington – O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou que vê sinais positivos na eleição do novo presidente iraniano, Hassan Rohani, principalmente pelo enfoque que ele pode apresentar ao programa nuclear, mas descarta suspender as sanções contra Teerã.

“Acredito que isto traduz a vontade do povo iraniano de avançar em outra direção. No Irã há claramente uma sede por colaborar com a comunidade internacional de forma mais positiva”, declarou o presidente em uma entrevista ao programa “The Charlie Rose Show”, exibida na noite de segunda-feira.

“Rohani tem compartilhado, acredito, seu interesse por modificar a posição do Irã sobre muitas questões internacionais. Acredito que é possível que os iranianos decidam aceitar nossa oferta para que tenhamos uma relação mais séria e mais transcendente”, completou Obama.

Depois de um encontro na segunda-feira com o presidente russo, Vladimir Putin, à margem da reunião de cúpula do G8 que acontece na Irlanda do Norte, Obama declarou que Estados Unidos e Rússia compartilham um “cauteloso otimismo” sobre a possibilidade de progresso no diálogo com o Irã sobre o programa nuclear.

A comunidade internacional acusa o Irã de querer desenvolver armamento atômico, mas Teerã alega que seu programa nuclear tem fins civis.