Obama parabeniza próximo presidente israelense

"Oresidente eleito tem uma longa e dedicada história no serviço público e pretende continuar fortalecendo os laços para beneficiar as duas nações", disse Obama

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, cumprimentou nesta terça-feira o mais novo presidente eleito de Israel, Reuven Rivlin, e fez elogios ao atual presidente Shimon Peres.

“O presidente eleito Rivlin tem uma longa e dedicada história no serviço público e pretende continuar fortalecendo os laços para beneficiar as duas nações”, disse Obama em um comunicado.

Algumas das posições de Rivlin — incluindo sua oposição ao Estado palestino e o forte apoio aos assentamentos israelenses na Cisjordânia — conflitam com a política externa americana.

O Departamento de Estado procurou amenizar as preocupações, ressaltando que as atuais negociações entre Israel e os palestinos coordenadas pelos Estados Unidos não são competência do presidente de Israel.

“O primeiro-ministro Netanyahu deixou claro que o governo de Israel apoia uma solução para o conflito entre Israel e palestinos”, disse a porta-voz.

Em seu comunicado, Obama também elogiou Peres, de 90 anos, com quem tem uma forte amizade.

“Ele pode olhar para trás e ver um legado notável de coragem, convicção e compaixão”, afirmou Obama.

“Ele dedicou sua vida extraordinária à causa da paz. Estou ansioso para recebê-lo em Washington no final do mês, quando ganhará a medalha de ouro do Congresso.”

Ex-presidente do Parlamento israelense e membro da extrema-direita do Likud, Rivlin venceu o segundo turno contra o adversário de centro Meir Sheetrit por 63 votos a 53, em uma votação secreta de 120 parlamentares.

Rivlin sucederá Peres em julho.