Número de refugiados sírios passa de 1,5 milhão, diz ONU

O êxodo se acelerou nos últimos quatro meses, e a ONU estima que cerca de 1 milhão de pessoas se registraram como refugiadas desde janeiro

Genebra – Mais de 1,5 milhão de pessoas fugiram da Síria, à medida que as condições se deterioram rapidamente no país, disse nesta sexta-feira a agência da ONU para refugiados.

O êxodo se acelerou nos últimos quatro meses, e o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur) estima que cerca de 1 milhão de pessoas se registraram como refugiadas desde janeiro, disseram autoridades da ONU.

“O fato de que mais de 1,5 milhão se inscreveram ou tenham se encontrado com o Acnur, infelizmente, significa que o número real é muito maior”, disse o Acnur em comunicado, sem dar uma estimativa para o total.

“Os refugiados nos dizem que o aumento da violência e a mudança de controle de cidades e aldeias, em particular em áreas de conflito, resultam em cada vez mais civis decidindo ir embora”, disse.

A maioria dos refugiados fugiu para os vizinhos Líbano e Jordânia, onde o Acnur disse que contabilizou 470.457 e 473.587 refugiados, respectivamente, nesta semana.

A população da Síria é de 23 milhões de pessoas.