Nigéria resgata mais de 300 mulheres e crianças sequestradas

As Forças Armadas anunciaram resgate de 338 pessoas de um reduto dos insurgentes islamitas na região de Sambisa

O exército nigeriano anunciou nesta quarta-feira que resgatou mais de 300 mulheres e crianças sequestradas pelo grupo islamita Boko Haram na região nordeste do país.

“A unidade (do exército) socorreu 338 pessoas que os terroristas mantinham em cativeiro”, incluindo 192 crianças e 138 mulheres, durante operações na terça-feira na região de Sambisa, um reduto dos insurgentes islamitas, anunciaram as Forças Armadas.

As operações aconteceram em campos suspeitos de pertencer aos terroristas do Boko Haram nas cidades de Bulajilin e Manawashe, na região de Sambisa, reduto dos rebeldes islamitas.

O exército também afirmou ter matado 30 insurgentes do Boko Haram e recuperado armas e munições.

A Força Aérea nigeriana declarou na véspera ter bombardeado depósitos de veículos e combustível do grupo em um esforço para deteriorar ao máximo seus recursos.

O comandante da aviação, Sadique Abubakar, afirmou em um comunicado que os bombardeios abrem caminho para um ataque final das tropas terrestres.

Atualizado às 9h53.