Negociações sobre programa nuclear iraniano serão retomadas

Inicialmente previstas para durar dois dias, elas se estenderam por quatro, mas foram interrompidas na noite de 12 para 13 de dezembro e vão retornar na quinta

Viena – As negociações entre os especialistas das grandes potências e o Irã para a aplicação do acordo de Genebra sobre o programa nuclear iraniano serão retomadas nesta quinta-feira na cidade suíça, anunciou nesta quarta a União Europeia.

“As discussões técnicas vão ser retomadas amanhã e serão mantidas na sexta-feira”, declarou nesta quarta Nabila Massrali, uma porta-voz da chefe da diplomacia europeia, Catherine Ashton.

As negociações “longas e detalhadas” entre as potências do grupo “5+1” (Estados Unidos, Rússia, China, França, Grã-Bretanha e Alemanha) e o Irã tiveram início no dia 9 de dezembro em Viena.

Inicialmente previstas para durar dois dias, elas se estenderam por quatro, mas foram interrompidas na noite de 12 para 13 de dezembro. Os negociadores iranianos voltaram a Teerã para “consultas”.

Os Estados Unidos haviam anunciado em 12 de dezembro a inclusão de dez indivíduos e empresas em sua lista negra. Eles eram suspeitos de burlar o programa de sanções internacionais contra o Irã. Essa medida acabou provocando o retorno prematuro dos especialistas iranianos.

Durante uma grande ofensiva diplomática concluída no dia 24 de novembro em Genebra, os “5+1” e o Irã concluíram um acordo estabelecendo que não haverá novas sanções contra o Irã por um período de seis meses durante o qual o Irã aceitou suspender o enriquecimento de urânio.