Navio iraniano apreendido tinha carga máxima de petróleo, diz autoridade

A Marinha Real britânica apreendeu o petroleiro Grace 1 sob acusações de que ele estaria quebrando sanções ao enviar petróleo à Síria

Londres — Testes apontaram que um superpetroleiro iraniano apreendido em Gibraltar na semana passada estava totalmente carregado com petróleo, informou o governo do território britânico nesta segunda-feira.

A Marinha Real britânica apreendeu o navio Grace 1 na costa de Gibraltar na quinta-feira, sob acusações de que ele estaria quebrando sanções ao enviar petróleo à Síria.

“O Governo de Sua Majestade de Gibraltar pode agora confirmar, após ter recebido os resultados de testes laboratoriais abrangentes, que … o Grace 1, apreendido nas primeiras horas da manhã de quinta-feira, está carregado em capacidade máxima com petróleo bruto”, disse o governo em um comunicado.

“Os resultados desses testes… contradizem as declarações de algumas partes externas à jurisdição, que especularam que o carregamento no navio não era petróleo.”