Mulher é detida na Inglaterra por suspeita de terrorismo

Jovem de 25 anos foi presa por suposto envolvimento em ações terroristas relacionadas ao conflito sírio

Londres – Uma jovem de 25 anos foi presa nesta quarta-feira no centro da Inglaterra por seu suposto envolvimento em ações terroristas relacionadas com o conflito na Síria, informou hoje a Polícia Metropolitana de Londres.

A mulher, que não teve sua identidade divulgada, foi detida no condado de Bedfordshire e levada para uma delegacia do centro da capital britânica para ser interrogada, acrescentou a fonte.

Além disso, os agentes da ordem estão fazendo buscas em duas residências de Bedfordshire para encontrar evidências relacionadas com essa investigação.

Nos últimos meses, o governo informou sobre o aumento do número de jovens muçulmanos britânicos que viajaram à Síria para se juntar às ações dos jihadistas do Estado Islâmico (EI).

O governo de David Cameron estuda medidas para combater essas atividades, como o confisco do passaporte dos jihadistas em seu retorno ao Reino Unido e a perda da nacionalidade britânica no caso daqueles que têm dupla cidadania.

Atualmente, o EI mantém sob custódia o jornalista britânico John Cantlie, sequestrado na Síria em 2012. Essa organização terrorista também foi responsável por executar, de forma brutal, os britânicos Alan Henning e David Haines e os jornalistas americanos James Foley e Steven Sotloff.