Morte de ministro faz presidente mexicano cancelar seus compromissos

Ministro do Interior, Francisco Blake, foi vítima fatal de um acidente de helicóptero

México – O presidente do México, Felipe Calderón, cancelou nesta sexta-feira sua participação no Fórum de Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec) e na reunião com líderes da América do Norte após a morte do ministro do Interior, Francisco Blake, vítima fatal de um acidente de helicóptero, disseram à Agência Efe fontes oficiais.

Calderón tinha previsto fazer uma viagem de trabalho pelo estado da Baixa Califórnia, na fronteira com os Estados Unidos, e pelo Havaí, onde participaria neste sábado da cúpula da Apec. Porém, com a morte do ministro, todos seus compromissos foram cancelados.

Fontes da Presidência afirmaram que Calderón ficará no país para liderar o funeral de Estado, que será realizado neste sábado no Campo Marte da Cidade do México em memória ao ministro Blake e as demais vítimas do acidente.

No próximo domingo, Calderón também iria participar de um encontro com o presidente americano, Barack Obama, e com o primeiro-ministro canadense, Stephen Harper, para tratar de temas que envolvem esses três países. No portal da Presidência, no lugar da lista de atividades do presidente havia um laço negro em sinal de luto.

O Fórum de Apec é composto pelas 21 economias mais importantes da Bacia do Pacífico, que representam 54% do PIB mundial e 44% do comércio internacional, e foca seus trabalhos na promoção e liberalização do comércio e do investimento na região.