Ministério Público investigará governante de Hong Kong

Investigação ocorre por pagamento de uma empresa ao dirigente do governo local

HONG KONG – O Departamento de Justiça de Hong Kong concedeu nesta quinta-feira ao Ministério Público autoridade para lidar com a investigação de um pagamento de uma empresa ao dirigente do governo local, Leung Chun-ying, para evitar qualquer percepção de parcialidade.

A mudança ocorreu depois que o Partido Democrata disse ter pedido à Comissão Independente Contra a Corrupção que investigasse Leung Chun-ying por um pagamento 6,4 milhões dólares que ele recebeu de uma empresa de engenharia australiana quando já estava no poder.

O departamento disse que parte do poder atribuído consiste em “avaliar e decidir se será formalizada uma acusação”.