Milhares protestam na Rússia em memória a líder da oposição morto

Sua morte em 2015 naquilo que pareceu um assassinato encomendado despertou ódio e medo do movimento oposicionista no país

Moscou – Milhares de russos estão marchando nas ruas de Moscou para marcar a data de dois anos desde que o líder oposicionista Boris Nemtsov foi morto a tiros perto do Kremlin.

Nemtsov foi um forte crítico do presidente russo Vladimir Putin. Sua morte no dia 27 de fevereiro de 2015 naquilo que pareceu um assassinato encomendado despertou ódio e medo do movimento oposicionista no país.

O protesto neste domingo em Moscou deve reunir a maior multidão de opositores do governo desde que marcha com o mesmo motivo foi organizada no ano passado.

Manifestantes hoje carregavam bandeiras russas e cartazes com declarações de Nemtsov como: “a Rússia vai ser livre”,”se existe Putin, não existe Rússia” e “nossa única chance está nas ruas”.

Manifestações similares em memória de Nemtsov devem ocorrer em outras cidades pela Rússia, incluindo São Petersburgo e a cidade natal do líder oposicionista Nizhny Novgorod. Fonte: Associated Press.