México diz que terremoto não causou mortes

"Graças a Deus não houve nenhuma perda humana", afirmou o governador de Guerrero

México – As autoridades do estado mexicano de Guerrero disseram que o terremoto de 7,8 graus na escala Richter registrado nesta terça-feira não causou vítimas, mas ocorreram danos em pelo menos 500 imóveis.

‘Graças a Deus não houve nenhuma perda humana’, afirmou o governador de Guerrero, Ángel Aguirre, em declarações ao canal de televisão ‘ Milenio’.

A região mais afetada foram os povoados de Guerrero e do estado contíguo de Oaxaca, no sul do país. ‘O tremor atingiu uma das áreas mais pobres que temos em Guerrero’, comentou o governador.

As autoridades disponibilizaram albergues provisórios para atender os desabrigados, acrescentou Aguirre.

Por sua parte, o presidente do México, Felipe Calderón, afirmou que o terremoto – que o Serviço Geológico dos Estados Unidos revisou para 7,4 de magnitude na escala Richter – causou ‘um susto muito forte’, mas confirmou que até o momento não há vidas que lamentar nem danos maiores.

‘Os hospitais, as clínicas, estão funcionando bem, com normalidade, alguns vidros quebrados, muito susto, muito pânico, é certo, mas (o sistema sanitário) está bem’, completou o presidente.

Além disso, a Defesa Civil de Guerrero descartou a possibilidade de tsunami. ‘Está descartado um tsunami’, disse o titular dessa dependência, Víctor Flores, em entrevista coletiva, na qual destacou que o epicentro estava relativamente longe do litoral.

O tremor foi registrado às 12h03 locais (15h03 de Brasília) com epicentro localizado a 29 quilômetros ao sul de Ometepec – município de 50 mil habitantes -, no estado de Guerrero, a 15 quilômetros de profundidade.

O Serviço Sismológico do México informou que houve pelo menos três réplicas. A primeira foi de 5,3 graus e aconteceu a 55 quilômetros ao sudoeste da localidade de Ometepec, enquanto a segunda, de 5 graus, foi registrada 21 quilômetros ao leste da mesma cidade.

A terceira réplica, de 4,59 graus, ocorreu oito quilômetros ao oeste de Ometepec e teve uma profundidade de 10 quilômetros.