México apresenta autor intelectual de ataque que deixou 52 mortos

Baltazar Saucedo Estrada, de 48 anos, participou do crime que aconteceu em agosto em cassino de Monterrey

Monterrey – As autoridades mexicanas apresentaram nesta sexta-feira o suposto autor intelectual do atentado contra um cassino em Monterrey, no México, em agosto, que causou 52 mortos, e também o acusaram do assassinato de dois chefes policiais e outros delitos.

Baltazar Saucedo Estrada, de 48 anos, foi apresentado para os jornalistas pela Procuradoria de Justiça do estado de Nuevo León, horas após ser detido por agentes policiais nesta cidade, capital do estado.

O porta-voz do Conselho de Segurança de Nuevo León disse que Saucedo foi capturado por policiais às 13h40 no horário local da quinta-feira (17h40 em Brasília) quando circulava em seu veículo pelo bairro de San Luis.

O preso era chefe para a praça de Monterrey do cartel Los Zetas, um dos mais violentos do México.