Mexicanos organizam movimento em apoio a forças de segurança

Contra a criminalidade, manifestantes avançaram pelo emblemático Paseo de la Reforma acompanhados por policiais

Cidade do México – Milhares de pessoas marcharam neste domingo na Cidade do México para expressar apoio às forças de segurança na luta contra a criminalidade e exigir das autoridades o cumprimento do dever de zelar pelo bem-estar da população.

Aproximadamente, duas mil pessoas, entre membros e simpatizantes de diversas organizações sociais, iniciaram às 10h40 uma caminhada, que saiu do monumento conhecido como Ángel de la Independencia, símbolo da capital, levando cartazes como “A sociedade a favor do soldado”.

Pouco antes de iniciar a marcha, José Antonio Ortega, presidente do Conselho Cidadão para a Segurança Pública e a Justiça Penal, uma das organizações responsáveis pela mobilização, declarou que o objetivo era mostrar “solidariedade às famílias de militares que deram sua vida pela paz no México”.

“Para acompanhar esposas, pais, filhas, irmãos dos que perderam a vida pelo México. Hoje chamamos todos os mexicanos a construir a paz. Não queremos guerra! Não queremos violência! Queremos paz”, disse.

Seguindo a banda musical de uma escola militar, que o tempo todo tocou tambores e trombetas, os manifestantes avançaram pelo emblemático Paseo de la Reforma acompanhados por policiais.

A passeata terminou às 12h30 com a execução do hino nacional e a colocação de flores na base de uma enorme bandeira do México localizada no Campo Marte.