Meteorologistas dos EUA preveem chances de 85% a 95% de La Niña

Condições para o fenômeno deverão continuar se manifestando ao longo do inverno no Hemisfério Norte

O serviço meteorológico do governo dos Estados Unidos informou nesta quinta-feira que as condições para o fenômeno La Niña deverão continuar se manifestando ao longo do inverno no Hemisfério Norte.

O Centro de Previsão Climática do Serviço Meteorológico Nacional (CPC), em sua previsão mensal, informou que as chances de o La Niña se desenvolver são de 85 a 95 por cento, com uma transição para uma neutralidade climática durante a primavera.