Merkel se reúne com presidente alemão após fracasso em coalizão

Merkel buscou o encontro para informar do fracasso das suas negociações com os liberais e os verdes para formar uma coalizão de governo

Berlim – A chanceler alemã, Angela Merkel, se reuniu nesta segunda-feira com o presidente do país, Frank-Walter Steinmeier, para informar-lhe do fracasso das suas negociações com os liberais e os verdes para formar uma coalizão de governo.

Após as eleições de 24 de setembro e depois que os social-democratas se recusaram a reeditar a grande coalizão do último governo, o gabinete tripartite era a única fórmula que teria dado a Merkel uma maioria parlamentar estável para um quarto mandato.

Segundo a Constituição alemã, corresponde ao presidente do país propor ao Bundestag (câmara baixa) um candidato a chanceler e, para ser eleito, este deve receber o apoio da maioria absoluta dos deputados em uma primeira votação e em uma segunda, que teria que acontecer dentro dos 14 dias seguintes à primeira.

Na terceira votação o candidato pode ser eleito já por maioria simples e o presidente do país, no prazo de sete dias, tem a opção de nomeá-lo ou de dissolver o parlamento, com o que seriam convocadas eleições em um prazo de 60 dias.

O porta-voz do governo alemão, Steffen Seibert, lembrou hoje que na madrugada a chanceler já tinha expressado seu propósito de seguir trabalhando para que o país fosse bem governado “também nestas semanas difíceis”.