Merkel quer evolução dos tratados para reforçar a UE

A chanceler alemã Angela Merkel pediu uma evolução dos tratados para favorecer a integração europeia, em um discurso aos deputados em Berlim

Berlim – A chanceler alemã Angela Merkel pediu nesta quarta-feira “uma evolução” dos tratados para favorecer a integração europeia, em um discurso aos deputados em Berlim um dia depois de sua reeleição como chefe de Governo para um terceiro mandato.

“Temos uma situação na Europa na qual cada um diz ‘é possível mudar tudo, mas a única coisa que não se pode mudar são os tratados’. Acredito que desta forma não vamos desenvolver uma Europa que funcione”, declarou Merkel.

A declaração foi feita poucas horas antes de Merkel viajar a Paris para preparar a reunião de cúpula de chefes de Estado e de Governo da União Europeia (UE), que começa na quinta-feira em Bruxelas. A França é justamente um dos países contrários às mudanças nos tratados que definem a arquitetura institucional da UE.

“Sei que às vezes é difícil aprovar mudanças nos tratados dentro das nações, mas quem deseja mais Europa deve estar disposto a modificar a legislação de certas áreas”, disse a chanceler.

“Não podemos permanecer imóveis em um mundo que muda permanentemente. Não funcionará”, completou.

“Na Europa estamos em uma situação na qual geralmente criticam a Alemanha, que se opõe a certas mudanças. Não é assim. Estamos entre aqueles que dizem que devemos evoluir com os tratados”, insistiu.