Marinha detecta possíveis sons de submarino desaparecido

Submarino argentino está perdido desde a quarta passada e é ocupado por 44 tripulantes. Sons podem ser de ferramentas batendo contra o casco

São Paulo – A Marinha da Argentina informou há pouco ter detectado sons no mar que podem ser do submarino desaparecido. De acordo com as informações, divulgadas pela rede de notícias CNN, tais parecem ser de ferramentas batendo contra o casco.

Anteriormente, havia a suspeita de que a embarcação poderia ter realizado chamadas de satélite no último sábado. No entanto, as evidências analisadas apontaram que as mesmas provavelmente não foram feitas pelo submarino militar.

Caso

O submarino ARA San Juan está ocupado por 44 pessoas e perdeu o contato com sua base na última quarta-feira enquanto navegava entre o porto de Ushuaia e o Mar del Plata, 400 km ao sul da capital Buenos Aires. A tripulação comunicou uma avaria nas baterias na última manifestação antes do seu desaparecimento. 

As buscas pela embarcação estão sendo conduzidas com a ajuda de aeronaves e navios de países como Brasil, Chile, Uruguai, Peru, Estados Unidos, Grã-Bretanha e África do Sul. O submarino foi construído em 1983 na Alemanha e é o mais novo entre os três da Armada do país.