Manifestantes protestam durante a Cúpula de Chefes de Estado

Os trabalhadores pedem que as autoridades espanholas ampliem os acordos com os países latino-americanos no esforço de garantir empregos

Brasília – A polícia espanhola dispersou hoje (16) centenas de manifestantes que faziam um protesto em Cádiz, no Sul do país. Trabalhadores dos estaleiros impediram, durante cerca de 20 minutos, o tráfego na ponte de acesso à cidade que é sede da 22ª Cúpula Ibero-Americana de Chefes de Estado e Governo. Os trabalhadores pedem que as autoridades espanholas ampliem os acordos com os países latino-americanos no esforço de garantir empregos.

Os manifestantes queimaram pneus e fizeram fogueiras na área, provocando fumaça escura. Há meses, os trabalhadores em estaleiros reivindicam melhorias de condições de trabalho e mais garantias de vagas no setor. Segundo eles, 600 pessoas trabalham em estaleiros na região.

A Espanha sofre em decorrência dos efeitos da crise econômica internacional e há carência de emprego em vários setores, inclusive o de estaleiros.