Mandela melhora a cada dia, diz Zuma

O herói da luta anti-apartheid de 94 anos foi tratado por uma infecção pulmonar antes de ser submetido a uma endoscopia

Johanesburgo – O estado de saúde de Nelson Mandela era grave quando ele foi internado, há 13 dias, mas melhora a cada dia, informou nesta quinta-feira o presidente sul-africano, Jacob Zuma.

“Sua condição era grave, mas ele responde bem ao tratamento e tem ficando cada vez melhor nos últimos dias”, afirmou Jacob Zuma aos membros do ANC, durante o encerramento de uma conferência do partido no poder em Bloemfontein (centro).

O herói da luta anti-apartheid de 94 anos, que deu entrada em um hospital de Pretória em 8 de dezembro, foi tratado por uma infecção pulmonar antes de ser submetido a uma endoscopia para a retirada de cálculos biliares.

“Fui informado que, devido à sua idade, os médicos devem intervir de forma suave e gradual para maximizar as chances de uma recuperação completa”, disse Zuma.

“Madiba é, e sempre foi, um guerreiro como nenhum outro. Ele enfrentou todas essas provações com coragem e uma elegância incrível”, acrescentou o presidente, usando o nome de clã de Nelson Mandela, carinhosamente adotado pela maior parte dos sul-africanos.

Nelson Mandela já havia sido hospitalizado em janeiro de 2011 devido a uma infecção pulmonar, provavelmente causada por sequelas de uma tuberculose contraída durante a sua estadia na prisão da ilha de Robben Island, ao largo Cidade do Cabo, onde passou 18 dos 27 anos de cativeiro nos calabouços do regime racista do apartheid.