Luiz Marinho defende aliança do PT com Kassab

"O PT e nenhum partido governa sozinho", afirmou Marinho, durante o intervalo de um dos eventos do Encontro de 32 anos da legenda

Brasília – O prefeito de São Bernardo do Campo, Luiz Marinho, defendeu hoje uma aliança do PT com o PSD, do prefeito de São Paulo Gilberto Kassab, na eleição para a capital paulista. “O PT e nenhum partido governa sozinho”, afirmou Marinho, durante o intervalo de um dos eventos do Encontro de 32 anos do partido, comemorados hoje em Brasília.

Para o prefeito, o partido precisa construir alianças com Kassab, ex-aliado do PSDB, para se viabilizar eleitoralmente. Sem essa aliança, o partido pode não conseguir romper a barreira dos 30% do eleitorado em São Paulo. Marinho disse que o ideal seria uma ampla aliança que envolvesse PSD, PSB e PCdoB.

“O governo Kassab era influenciado pelas políticas do PSDB. Se há um rompimento (com os tucanos) e uma aproximação (com os petistas), nós temos que receber de maneira positiva”, afirmou.

Marinho citou como exemplo de mudança política do PT o apoio a José Sarney, ex-presidente da República e atual presidente do Senado. “Fizemos oposição severa ao Sarney e agora ele está no governo. Temos que ter maturidade e ver o que é melhor para São Paulo”, avaliou.

O prefeito, que deve ser candidato à reeleição, afirmou que Marta Suplicy, apesar das duras críticas à aliança com o PSD, acabará participando da campanha de Fernando Haddad para a prefeitura paulistana.