Los Angeles bate recordes de consumo elétrico

Enquanto os blecautes continuam na cidade, o consumo de energia chegou a um novo recorde histórico na terça-feira

Los Angeles – A demanda por eletricidade na cidade de Los Angeles bateu nesta terça-feira um novo recorde histórico ao alcançar os 6.396 megawatts devido ao uso intenso de ar condicionado para combater a onda de calor que assola a região desde o fim de semana.

Esse registro é 3,2% superior à marca estabelecida na segunda-feira, 6.196 megawatts, que já superou o pico de maior consumo elétrico na cidade fixado em setembro de 2010.

O excesso de demanda tem como consequência uma sobrecarga na rede de distribuição que provocou múltiplos cortes de luz durante os últimos dias.

Por volta das 17h de hoje, cinco mil usuários estavam sem eletricidade em seus lares, confirmou à Agência Efe Michelle Vargas, porta-voz do Departamento de Água e Energia de Los Angeles (LADWP).

O número de afetados aumentou notavelmente durante as últimas horas depois que a média de clientes sem luz durante a jornada, segundo Vargas, estivesse entre 3.000 e 3.500.

A porta-voz indicou que o número é relativamente baixo, uma vez que o LADWP fornece eletricidade a 1,4 milhão de consumidores.

O LADWP espera que quarta-feira seja ainda um dia complicado dado que as temperaturas se manterão elevadas, uma situação que não começará a mudar até quinta-feira.

Em muitos pontos da área metropolitana de Los Angeles, os termômetros registraram hoje temperaturas superiores aos 40 graus.

Vargas indicou que o LAPWD está fazendo tudo para restaurar o serviço nas zonas afetadas, o que habitualmente pode levar entre “10 e 12 horas”, mas que em situações extremas como a que está vivendo a cidade hoje poderia necessitar mais tempo.

O LADWP pediu aos usuários que economizem energia na medida do possível e deem descanso aos grandes eletrodomésticos para minimizar a possibilidade que se repitam os blecautes.