Líder das Farc desiste de candidatura presidencial

Com problemas de saúde, membros do partido afirmam que a candidatura de Londoño está em declínio

Bogotá – O candidato à presidência da Colômbia pelo partido das Farc, Rodrigo Londoño, conhecido como “Timochenko” na sua época de guerrilheiro, desistiu da disputa devido aos seus problemas de saúde.

O segundo em comando do partido da antiga guerrilha, Iván Márquez, se referiu hoje à cirurgia de coração à qual Londoño foi submetido nesta quarta-feira em Bogotá e disse que essas circunstâncias e a suposta falta de garantias políticas os levam “a declinar” da candidatura presidencial.