Kmart e Sears fazem fusão de 11 bilhões de dólares

Acordo cria o terceiro maior grupo varejista dos Estados Unidos

Um acordo fechado nos Estados Unidos cria o terceiro maior grupo de varejo do país, atrás do Wal-Mart e do Home Depot. Kmart e a Sears anunciaram uma fusão que envolve 11 bilhões de dólares. A nova empresa será chamada Sears Holdings Corporation, que terá 55 bilhões de dólares em receita anual e uma rede com mais de 3 000 lojas.

De acordo com comunicados das empresas, a fusão já foi aprovada pelos conselhos, mas ainda precisa passar pelos acionistas e órgãos reguladores dos Estados Unidos. A previsão é que o processo seja finalizado em março de 2005.

Com a fusão, as empresas esperam economizar 500 milhões de dólares comm sinergias anualizadas de receita e custos, completamente realizadas até o encerramento do terceiro ano após a conclusão do acerto, e que possibilite uma economia de custo anual de US$ 300 milhões.

Pelos termos do acordo, os acionistas da Kmart receberão uma ação da Sears Holdings por cada papel da empresa. Os acionistas da Sears, por sua vez, terão o direito de escolher entre 50 dólares em dinheiro e 0,5 ação da Sears Holdings, avaliada em 50,61 dólares, por ação.

A Sears Holdings terá sede em Hoffman Estates, no Estado de Illinois (EUA) e a Kmart continuará a ter presença significativa em Troy, no Michigan.
As informações foram passadas pelas duas empresas em nota distribuída pela internet.