Jobim confirma que aceitou convite para permanecer na Defesa

O ministro disse ainda que já entregou à presidente eleita o posicionamento do ministério sobre a compra de 36 caças

São Paulo – O ministro da Defesa, Nelson Jobim, confirmou nesta quarta-feira que recebeu e aceitou convite para permanecer no cargo durante governo da presidente eleita Dilma Rousseff.

De acordo com a assessoria de imprensa do ministério, Jobim confirmou ter aceito o convite de Dilma nesta quarta, durante cerimônia de entrega de prêmios do Projeto Soldado Cidadão, no Clube Naval, em Brasília.

O ministro disse ainda que já entregou à presidente eleita o posicionamento do ministério sobre a compra de 36 caças de combate para a Força Aérea Brasileira e que uma decisão sobre o assunto deverá ser tomada em conjunto por Dilma e pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Disputam a preferência do governo brasileiro os caças Rafale, da francesa Dassault, Gripen NG, da sueca Saab, e F-18 Super Hornet, da norte-americana Boeing.