Israel bombardeia postos em Gaza após lançamento de mísseis

Segundo as forças de segurança palestinas de Gaza foram dois os postos militares atingidos pelos disparos israelenses

Jerusalém – O Exército de Israel bombardeou nesta quarta-feira algumas posições do movimento islamita Hamas na Faixa de Gaza em resposta ao lançamento de mísseis realizado pelas milícias palestinas, informou um comunicado militar.

“Em resposta a um projétil disparado a partir da Faixa de Gaza a Israel hoje, a Força Aérea israelense atingiu um complexo militar do Hamas no sul da Faixa”, confirmou a nota.

Segundo as forças de segurança palestinas de Gaza foram dois os postos militares atingidos pelos disparos israelenses, um em Khan Yunis e outro no sul de Gaza, causando danos materiais, mas sem vítimas.

Desde que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou no último dia 6 o reconhecimento de Jerusalém como a capital de Israel, as milícias palestinas lançaram vários projéteis a partir de Gaza, com o Exército respondendo com bombardeios de represália sobre alvos do movimento islamita, que controla o enclave há uma década.

Até agora, os distúrbios em Gaza e Cisjordânia causaram a morte de seis palestinos e mais de 1,5 mil pessoas necessitaram de atendimento médico.

O Hamas informou hoje que as forças de segurança israelenses prenderam 35 líderes do movimento islamita na Cisjordânia, entre eles Hassan Youssef, e ex-prisioneiros do Hamas que tinham sido libertados na último troca entre Israel e Hamas, negociada pelo Egito em 2011.