Irã pede que nações do Golfo tentem resolver questão com o Catar

A Arábia Saudita e outras nações árabes se moveram para isolar o Catar com um corte de relações diplomáticos

Dubai – O governo iraniano afirmou que as crescentes tensões entre seus vizinhos do Golfo ameaçam os interesses de todos os países na região e pediu “métodos políticos e pacíficos” para resolver a crise.

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Irã, Bahram Ghasemi, pediu um “diálogo claro e explícito” entre as nações em conflito

O presidente do sindicato de exportadores de produtos agrícolas do Irã, Reza Nourani, afirmou que seu país pode exportar alimentos para o Catar pelo mar, após a Arábia Saudita e outras nações árabes terem se movido para isolar o Catar com um corte de relações diplomáticos.

Os países acusaram o governo catariano de apoiar o terrorismo.

Segundo a agência de notícias semi-oficial Fars, Nourani afirmou que as remessas de alimentos enviadas pelo Irã podem chegar ao Catar em 12 horas.

Atualmente, o governo catariano confia em alimentos transportados pela Arábia Saudita por meio de sua única fronteira terrestre.

De acordo com a al-Jazeera, caminhões que transportam alimentos para o Catar estão, agora, se alinhando na fronteira, sendo incapazes de entrar no país.

Fonte: Associated Press.