Irã diz ter esmagado célula ligada ao Estado Islâmico

Grupo islâmico buscava "sabotar" manifestações nesta sexta para celebrar o aniversário da Revolução Islâmica de 1979

Ancara – O Irã disse nesta sexta-feira que esmagou uma célula terrorista ligada ao Estado Islâmico perto de Teerã que, afirmou, buscava “sabotar” manifestações nesta sexta para celebrar o aniversário da Revolução Islâmica de 1979 que derrubou o xá apoiado pelos Estados Unidos.

“Prendemos um grupo ligado ao Daesh nos últimos dias… Eles queriam sabotar e promover atos malignos durante as manifestações de sexta-feira”, disse o procurador-geral iraniano Mohammad Jafar Montazeri, segundo a agência de notícias ILNA.

Daesh é um dos nomes pelos quais o Estado Islâmico é conhecido.