Irã condena atos terroristas pós atentado na Bulgária

O porta-voz do ministério iraniano das Relações Exteriores declarou que "a posição do Irã é condenar qualquer ato terrorista no mundo"

Teerã – O Irã condena energicamente qualquer ato terrorista, declarou nesta quinta-feira o porta-voz do ministério iraniano das Relações Exteriores, se referindo ao atentado suicida contra turistas israelenses que na quarta-feira deixou sete mortos, incluindo cinco israelenses, na Bulgária.

“A República Islâmica do Irã, que é a maior vítima do terrorismo, considera que colocar em perigo a vida de inocentes é (…) um ato desumano e o condena energicamente”, declarou Ramin Mehmanparast, segundo a rede de televisão iraniana em língua árabe Al Alam.

“A posição do Irã é condenar qualquer ato terrorista no mundo”, acrescentou.

“O regime sionista, que é responsável por atos terroristas organizados no Líbano, na Palestina e contra cientistas nucleares iranianos (…) está pronto para lançar acusações sem fundamento contra outros países para encobrir sua natureza terrorista”, acusou Mehmanparast.