Irã amplia apoio militar ao regime da Síria

Guerra civil da Síria está prestes a entrar no seu quarto ano

Londres/Ancara – Quando a guerra civil da Síria está prestes a entrar no seu quarto ano, o Irã intensificou seu apoio militar ao presidente Bashar al Assad, oferecendo equipes de elite para o trabalho de inteligência e para o treinamento de soldados, segundo fontes familiarizadas com a questão.

O renovado apoio iraniano, junto com o fornecimento de munições e equipamentos pela Rússia, vem contribuindo para que as forças de Assad façam importantes avanços no terreno, mas sem conseguir um vantagem decisiva sobre os combatentes da oposição.

O Irã, um país xiita, já gastou bilhões de dólares amparando o governo de Assad, que é membro da seita alauíta, uma variação do islamismo xiita. E, embora a presença de militares iranianos na Síria não seja novidade, especialistas acreditam que nos últimos meses Teerã enviou mais especialistas.

Analistas consideram que esse reforço estimula Assad a não fazer concessões nas negociações de paz que foram iniciadas em Genebra, mas que estão atualmente sob impasse.