Inspetores da ONU deixarão Síria no sábado, diz Ban

Ban Ki-moon disse que a equipe de inspetores vai reportar diretamente a ele assim que sair do país

Viena – Os inspetores da ONU que estão na Síria para investigar o uso de armas químicas na guerra civil local vão continuar o trabalho até sexta-feira e pretendem deixar o país no sábado de manhã, disse o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, nesta quinta-feira.

Ban, falando em Viena, disse que a equipe de inspetores, que chegou à Síria em 18 de agosto, vai reportar diretamente a ele assim que sair do país e que ele encurtou uma viagem à Áustria. O secretário-geral participaria de um fórum econômico no sábado em Alpbach.

Ban disse que conversou na quarta-feira com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, sobre a situação na síria, discutindo como “nós podemos dinamizar o processo de investigação”.

“Eu também expressei meu sincero desejo de que esta equipe de investigação tenha condições de continuar seu trabalho como demandado pelos Estados membros”, disse Ban a repórteres.

“Disse a ele que nós iremos… compartilhar informação e nossa análise das amostras e evidências com os membros do Conselho de Segurança e os membros das Nações Unidas em geral”, acrescentou.

Especialistas em armas químicas da ONU começaram nesta quinta-feita um terceiro dia de investigação nos locais de um aparente ataque com gás venenoso na semana passada, em que centenas de civis foram mortos, em subúrbios de Damasco controlados por rebeldes.

“Eles vão continuar as atividades investigativas até amanhã, sexta-feira, e vão deixar a Síria no sábado de manhã e se reportar a mim”, disse Ban.