Indústria mineradora perdeu US$ 1,2 bilhão por greves

A fatura pelas greves pode duplicar se forem contadas as perdas sofridas pelo conjunto da economia sul-africana

Johannesburgo – As greves ilegais que perturbam a indústria mineradora sul-africana desde o início de agosto custam ao setor “cerca de 10 bilhões de rands” (1,2 bilhão de dólares ou 900 milhões de euros), indicou nesta quinta-feira à AFP o chefe economista da Câmara de Minas.

“Até agora, estas greves selvagens custaram à indústria mineradora cerca de 10 bilhões de rands em perdas sobre as rendas em 2012”, considerou Roger Baxter, que informou que a fatura pelas greves pode duplicar se forem contadas as perdas sofridas pelo conjunto da economia sul-africana.