Índice de abuso infantil na Inglaterra é elevado

O país teve mais de 2.400 vítimas durante um período de 14 meses

Londres – Um extenso relatório divulgado nesta quarta-feira registra altos níveis de abuso infantil na Inglaterra, com mais de 2.400 vítimas durante um período de 14 meses.

O estudo, realizado pelo Office of Children’s Comission, também relatou que cerca de 16.500 crianças correm “alto risco” de exploração sexual.

O relatório foi divulgado após uma série de casos em que grupos de homens se aproveitaram de meninas menores de idade, e também depois que a polícia e a BBC sofreram fortes críticas pela falta de ação no caso de Jimmy Saville, um apresentador acusado de ter abusado repetidamente de jovens meninas.

O estudo também apontou que os abusos são mais frequentes do que se pensava e que muitas vítimas não são atendidas por profissionais e nem têm seus casos registrados. As informações são da Associated Press.