Incêndios devastam florestas e plantações em ilha grega

Segundo os Bombeiros, cerca de 300 pessoas, 56 caminhões-tanque, quatro aviões e quatro helicópteros estão atuando no combate ao fogo em Quios

Atenas – Os bombeiros gregos lutam contra vários incêndios que desde sábado passado já devastaram mais de 14 mil hectares de florestas, oliveiras e plantações de almaciga na ilha grega de Quios, no mar Egeu.

Segundo os Bombeiros, cerca de 300 pessoas, 56 caminhões-tanque, quatro aviões e quatro helicópteros estão atuando no combate ao fogo.

A almaciga é uma espécie comum em Quios e é usada na indústria de produtos farmacêuticos, perfumes e cosméticos. ”O lucro anual da ilha pelas exportações de almaciga é de 12 milhões de euro. O incêndio destruiu entre 30% e 50% das plantações”, declarou o Presidente da Associação de Produtores de Almaciga, Efzymis Moniaros.

Segundo dados do Centro Europeu de Informação sobre Incêndios Florestais, até 22 de agosto o incêndio tinha devastado 14.090 hectares de florestas e terras cultivadas.

Ventos muito fortes e temperaturas entre 33 e 35 graus ajudam na propagação do fogo. Segundo a Agência Nacional de Meteorologia, os ventos diminuirão nas próximas horas, mas com isso a temperatura pode aumentar.

A situação é parecido em outra ilha grega, Zante, no Mar Jônico, onde um incêndio está sendo controlado pelos Bombeiros. Nas últimas 24 horas ocorreram 47 incêndios florestais em toda a Grécia.

A cada ano, o fogo destrói na Grécia entre 50 mil e 100 mil hectares de florestas. Nos últimos dez dias, foram registrados um total de 589 focos de incêndio.