Imperador do Japão recebe Obama no Palácio Imperial

Presidente dos EUA foi recebido com honras militares nos jardins da residência oficial dos imperadores do Japão, Akihito e Michiko

Tóquio – O presidente americano, Barack Obama, participou nesta quarta-feira de uma cerimônia de boas-vindas no Palácio Imperial de Tóquio, no primeiro ato oficial de sua visita de Estado de três dias ao Japão.

Obama foi recebido com honras militares nos jardins da residência oficial dos imperadores do Japão, Akihito e Michiko, os primeiros a cumprimentá-lo na sua chegada ao grande ato que também foi assistido pelo primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, e outros altos representantes políticos e diplomáticos.

O presidente americano esteve acompanhado pela embaixadora dos Estados Unidos no Japão, Caroline Kennedy, e apesar ser uma visita de Estado, não viajou acompanhado pela primeira-dama, Michelle Obama, por questões de agenda, o que causou certa decepção entre os japoneses.

Obama aterrissou ontem em Tóquio às 18:45 hora local (09.45 GMT), e permanecerá até amanhã na capital japonesa, em uma visita de grande relevância para o Japão por ser a primeira viagem de Estado de um presidente americano desde a feita por Bill Clinton em 1996.

Após a recepção oficial, o presidente americano participou de uma audiência com o imperador Akihito no Palácio Imperial, e ao longo da manhã realizará uma cúpula com o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe.

Obama e Abe devem tratar da cooperação estratégica entre os países no Pacífico, diante da ascensão da China e suas disputas territoriais com o Japão e a ameaça nuclear da Coreia do Norte, assim como a situação na Ucrânia.

Espera-se que eles apresentem uma declaração conjunta em que afirmarão que a aliança entre Estados Unidos e Japão desempenhará ‘um papel promotor da paz e da prosperidade na região’, segundo uma minuta divulgada pela imprensa japonesa.

O presidente americano também deve comparecer hoje ao santuário xintoísta de Meiji e ao Museu de Ciência Emergente e Inovação, que fecharão temporariamente suas portas antes e durante a visita.

O dia terminará com um banquete em sua homenagem no Palácio Imperial.

Após o Japão, Obama viajará amanhã para a Coreia do Sul, a segunda parada de seu tour asiático, e dia 26 irá para a Malásia e às Filipinas dia 28.