Ilhas Salomão aguardam ajuda após terremoto e tsunami

O número de vítimas pode aumentar à medida que as equipes de emergência chegam à ilha de Ndende, na parte oriental das Salomão

Honiara – A ajuda urgente chegava aos poucos nesta quinta-feira às Ilhas Salomão, um dia depois do forte terremoto seguido por um tsunami que atingiu localidades costeiras deste pequeno arquipélago do Pacífico e que deixou pelo menos seis mortos.

O número de vítimas pode aumentar à medida que as equipes de emergência chegam à ilha de Ndende, na parte oriental das Salomão, onde uma onda de um metro invadiu em 500 metros as terras e inundou o aeroporto de Lata, assim como localidades vizinhas.

Algumas fontes citam oito mortos.

De acordo com a organização World Vision, várias casas da cidade de Venga foram deslocadas em 10 metros pela força das águas e 95% das residências de Nela ficaram destruídas.