Francês que sequestrou duas mulheres se entrega à polícia

O homem, de 61 anos, havia ameaçado detonar explosivos em sua casa ''por motivos bastante confusos'' e sem explicar de maneira explícita suas reivindicações

Paris –  O homem que manteve nesta terça-feira como reféns durante várias horas em sua residência em Perpignan, no sudeste da França, sua esposa e uma vizinha, se entregou à polícia, que conseguiu este desfecho após negociar com o sequestrador, informou a imprensa local.

O homem, de 61 anos, havia ameaçado detonar explosivos em sua casa ”por motivos bastante confusos” e sem explicar de maneira explícita suas reivindicações, informou à imprensa o promotor Bruno Albouy.

Ele afirmava ser um ex-militar e não tinha registro nem na polícia nem na Justiça, acrescentou Albouy à emissora ”RTL”. O bairro onde aconteceu o fato fica perto do centro de Perpignan, e moradores das redondezas forem retirados de suas casas por precaução.

Este fato acontece menos de duas semanas depois que um homem reteve, durante várias horas, o pai de um aluno em uma escola primária de Vitry, nos arredores de Paris. O refém foi libertado, e o sequestrador, preso.