Homem morre na Argentina saindo de prédio após terremoto

Gustavo Bustamante, de 50 anos, perdeu o equilíbrio e caiu pelas escadas durante a operação de evacuação ordenada pelo responsável do imóvel

Buenos Aires – Um homem morreu na região metropolitana de Buenos Aires quando, devido ao terremoto de 8,4 graus ocorrido no Chile, evacuavam um edifício como medida de precaução, informaram fontes oficiais à Agencia Efe.

Gustavo Bustamante, de 50 anos, perdeu o equilíbrio e caiu pelas escadas durante a operação de evacuação ordenada pelo responsável do imóvel, que vibrava em uma reverberação do tremor, segundo o site “Minutouno”, de fontes policiais.

A prefeitura de San Isidro, a 20 quilômetros da capital, confirmou a morte à Agência Efe.

Bustamante sofria de uma leve incapacidade para caminhar devido a uma antiga operação em um joelho e morreu praticamente na hora.

O terremoto, ocorrido às 19h54 de quarta-feira com epicentro na região chilena de Coquimbo, a cerca de 290 quilômetros de Santiago, deixou pelo menos oito mortos no país.

Devido a sua magnitude, o tremor foi sentido em boa parte do território argentino, especialmente nas províncias fronteiriças de Mendoza, San Juan, La Rioja, Catamarca e San Luis, mas não houve mais vítimas fatais.

Na capital argentina vários prédios foram evacuadas devido à vibração dos imóveis.