Homem morre e duas pessoas ficam feridas após ataque com faca em Sydney

Após colidir o veículo durante a fuga, o motorista abandonou o carro e roubou um caminhão com o qual tentou realizar uma nova fuga

Sydney (Austrália) – Uma pessoa morreu e duas ficaram feridas durante um ataque com faca, nesta sexta-feira, no sul de Sydney (Austrália), em um incidente onde a polícia descartou vínculos jihadistas.

“O suspeito, de 24 anos, cometeu suicídio esfaqueando-se no peito” uma vez que estava cercado pela polícia, disse Mick Fitzgerald, delegado de Nova Gales do Sul.

Segundo a versão oficial, as autoridades pararam um veículo, mas este saiu do controle.

Após colidir o veículo durante a fuga, o motorista abandonou o carro e roubou um caminhão com o qual tentou realizar uma nova fuga, mas voltou a se acidentar.

Algumas pessoas tentaram de deter o suspeito, que respondeu atacando com uma faca, até que conseguiu roubar um táxi, cujo motorista saiu ileso do incidente.

Depois que as autoridades conseguiram parar o táxi, o suspeito saiu do veículo e se suicidou com uma facada no peito.

“Ele era uma pessoa conhecida pela polícia, ele tinha problemas mentais, mas não tinha antecedentes”, afirmou Fitzgerald.

As autoridades australianas elevaram o alerta terrorista em setembro de 2014 e aprovaram uma série de leis para prevenir atentados.

No entanto, o país sofreu quatro ataques desde então. EFE