Homem-bomba mata autoridade e mais 14 no Afeganistão

Ataque ocorreu em frente a um prédio público da província de Baghlan, no norte do país

Pol-e-Khomri – Um homem-bomba matou 15 pessoas, incluindo uma autoridade graduada, em frente a um prédio público da província de Baghlan (norte do Afeganistão), nesta segunda-feira, informou a polícia.

O alvo do ataque era Mohammad Rasoul Mohseni, chefe de gabinete do conselho provincial, órgão consultivo que se reporta ao governador provincial.

Ele foi morto imediatamente junto ao portão do prédio quando o militante detonou explosivos amarrados ao corpo. Pelo menos 13 outras pessoas ficaram feridas no atentado, ocorrido no meio da manhã (hora local).

Um porta-voz da polícia provincial disse que o suicida vestia uniforme da polícia nacional afegã.

Ataques de insurgentes do Taliban contra civis e funcionários públicos têm aumentado nos últimos meses. Em nota, o presidente Hamid Karzai qualificou o atentado de “não-islâmico”.