Grupo armado invade clínica na Guatemala e mata 7 pessoas

Um porta-voz da Polícia Nacional Civil disse aos jornalistas que os homens chegaram ao local em um veículo 4x4

Cidade da Guatemala – Um grupo de homens armados com fuzis assassinou nesta quinta-feira sete homens e feriu uma mulher em uma clínica privada na zona sul de Cidade da Guatemala.

Um porta-voz da Polícia Nacional Civil disse aos jornalistas que os homens chegaram ao local em um veículo 4×4 e que seis das vítimas morreram no local.

A sétima vítima, Trinidad Méndez Chacón, integrante de uma empresa privada de guarda-costas executivos, é a única que foi identificada pelas autoridades, e morreu na sala de urgências do hospital público para o qual foi transferida.

Uma fonte do Ministério do Interior informou à Agência Efe que o ataque estava dirigido contra a mulher que se encontra ferida.

O estado de saúde da ferida não foi detalhado, enquanto a fonte do Ministério do Interior assinalou que os falecidos eram os guarda-costas da mulher e guardas de segurança do edifício.